Todos os cachorros são reincidentes ou algum virará príncipe?

Sapo_PrincipeOlá!

Estou escrevendo hoje com uma esperança com o mundo cão que vocês nem imaginam!

O atual dono do meu coração – sim, eu sei, a rotatividade é alta – está dando sinais de vida! Até que enfim!

Sim sim! Mas o objetivo desse post de hoje é mais nobre.

Estávamos, eu e minha melhor amiga, conversando sobre as novas investidas do Carlotinha.

Ele tem me mandado umas cinco mensagens por dia, não esconde a felicidade quando me vê e perde horas conversando comigo…

Essa semana, no meio de uma conversa – sem sentido nenhum com o que estávamos falando, disse que “não está conseguindo reagir a mim, está sem forças”. Num outro papo, veio me perguntar se eu tenho paciência (???)…

Abalou seriamente os meus sentidos quando encontrou uma música com meu nome, sem que eu pedisse nada (quem me conhece sabe que esse era um grande recalque de infância, queria me chamar Luisa, Carolina… ou algo poético). Pra piorar, depois de eu contar esse segredo pra ele, ele foi lá e encontrou mais uma música! Linda! Dá pra ser mais perfeito? Fora todas as investidas e ilusões que ele coloca no meu coraçãozinho, né? rs…

Nos falamos ao acordar, ao almoçar, antes de dormir… Tudo muito bonito, se ele ainda não estivesse namorando aquela riponga.

No maravilhoso mundo cor de rosa da minha cabeça, esses atos e essas perguntas me fizeram chegar à conclusão de que ele precisa de um tempo pra deixar as coisas esfriarem por lá e terminar com a namorada pra finalmente ficar comigo. Sim… Porque, se ele não quer ficar comigo, porque estaria tão empenhado em não me deixar esquecer que ele existe???

Comentei o fato com a minha amiga, que suscitou a seguinte dúvida na minha cabeça…

“Se vocês acabarem juntos mesmo, será que você vai ter confiança nele, depois de tudo que ele fez pra ficar com você?”

Será que os cachorros são reincidentes?
Pesei os dois lados.

Lado 1 – As pessoas se apaixonam, ué! E quando o fazem, largam tudo e todos – meio sem critérios de caráter, é verdade – para chegar aos objetivos. E isso não implica em reincidência.

Lado 2 – Quem faz uma vez, faz duas ou mais.

De que lado ficar?

Virarei eu uma neurótica controladora que não acredita em nenhuma das amigas do meu namorado, só porque ele trocou a ex por mim?

Olha que coisinha rosinha com glitter a música que ele me mandou:

“Se ficar assim me olhando,
me querendo, procurando,
não sei não, eu vou me apaixonar!

Eu não tava nem pensando
mas você foi me pegando
e agora não importa aonde vá:
me ganhou, vai ter que me levar!”

O mais engraçado é que quando eu ouvi essa música na rádio, deu uma vontade tão grande de mandar pra ele… Mas como eu sou uma pessoa empenhada em “deixar as coisas acontecerem” (um amigo disse outro dia que eu sou muito “intervencionista” nos relacionamentos, querendo sempre satisfações e esclarecimentos de tudo [:o]…), deixei pra lá e foi ele que acabou me mandando!!! Aiaiai…

Torçam aí!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: